Detetive particular auxilia na descoberta de cibercrimes

Detetive particular auxilia na descoberta de cibercrimes

Atualmente, todos os profissionais devem buscar manterem-se atualizados, se quiserem continuar competitivos no mercado e oferecendo serviços mais completos e eficazes.

O detetive particular está entre os profissionais que aproveitaram os novos recursos tecnológicos tanto para expandir os trabalhos realizados quanto para auxiliar na condução das investigações.

Entre os novos serviços oferecidos por detetives particulares, que surgiu das novas demandas do público, está a investigação de cibercrimes, que podem ser de diferentes naturezas.

Esse tipo de caso exige domínio das novas ferramentas, assim como treinamento adequado para evitar retaliações por parte dos responsáveis.

Em quais tipos de cibercrimes devo procurar o detetive particular?

O detetive particular se prepara para receber diversos casos de cibercrimes e auxiliar o cliente, seja na recuperação de contas, encontrar os responsáveis pelos crimes, aumentar a segurança de contas existentes, evitar futuros furtos de informação, entre outras ações.

Além dos golpes financeiros, como compras com cartão de crédito, acesso ao aplicativo de internet banking, pagamentos indevidos e outros, ainda existem cibercrimes que não envolvem o roubo financeiro, mas são igualmente graves.

Entre as situações que podem ocorrer, destacam-se:

  • Bullying e perseguição online;
  • Falsidade ideológica com uso inadequado de fotos da vítima;
  • Roubo de informações, sem ocasionar um prejuízo financeiro imediato;
  • Roubo de senhas e invasão de contas em redes sociais, e-mails etc.;
  • Instalação de vírus e softwares espiões que gravam todas as ações realizadas no dispositivo;
  • Invasões de webcam com espionagem da vítima.

Essas são algumas das ocorrências de cibercrimes que exigem uma atuação profissional qualificada para que os responsáveis sejam identificados e a vítima possa voltar a viver com tranquilidade.

Quando procurar um detetive particular?

Os cibercrimes podem ocorrer em diferentes plataformas, o que pode dificultar a identificação do crime, como, por exemplo, smartphones, computadores desktops, notebooks, tablets e outros dispositivos.

Os tipos de golpes também são variados, podendo envolver aplicativos, sites falsos, ofertas falsas, redes sociais, vírus, softwares espiões e outros.

Todos esses fatores dificultam que a vítima identifique o problema e possa buscar ajuda especializada.

O detetive particular, entretanto, pode ser procurado mesmo quando ainda não houve a confirmação do roubo de informações ou demais cibercrimes.

O profissional irá realizar a investigação necessária para identificar a existência do problema, qual pode ser a origem dele e verificar os dispositivos do contratante.

Após confirmado o problema, tem início a segunda fase da investigação, que consiste no detetive particular identificar os responsáveis e minimizar os danos sofridos pelo cliente.

Compartilhar Post